quarta-feira, 16 de novembro de 2011

LÁ SOU AMIGA DO REI...


Vou m'embora pra poesia
Pois como dizia Bandeira
Lá sou amiga do Rei...
Lá eu encontro refúgio
quando aqui não dá mais...
Lá não preciso entender
só deixo acontecer
Lá é como tem que ser
sem rimas nem versos
É o meu universo!
Os dias são, e se vão...
Pra cada dia uma paz!
Mesmo que temporária
E do assim, prefiro então:
Não saber dos "comos"
nem dos "porques"
Não sinto o "quando" do tempo
pois que: Tudo é fantasia
E a vida vira arte!
Mas, então chegou a hora
Hora de dar adeus!
Eu tenho que ir embora
antes que a dor me alcance...
Lá onde mora o mistério
Onde tudo é fantasia
mesmo sem rimas nem versos...



Photobucket

Um comentário:

Zil disse...

oi...agradeço sua visita...

parabéns pelas poesias...adorei..

estou a caminho dos outros blogs que vc tem, para conhecer...

fiquei encantada...

meu carinho...

Zil

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...